Ibrutinib Icone para ediçãoIcone de Enomear Icone de Excluir

Indicação

Para que serve?

Ibrutinib é indicado para o câncer, no tratamento do Linfoma das Células do Manto e Leucemia Linfocítica Crônica, em adultos.

Posologia

Como usar?

Os comprimidos de Ibrutinib devem ser engolidos inteiros, juntamente com um copo de água, sem partir ou mastigar e de preferência sempre à mesma hora.

Tratamento do Linfoma das Células do Manto

  • A dose recomendada é de 4 cápsulas, cerca de 560 mg, uma vez por dia.

Tratamento da Leucemia Linfocítica Crônica

  • A dose recomendada é de 4 cápsulas, cerca de 560 mg, uma vez por dia.

As quantidades de Ibrutinib a utilizar e a duração do tratamento devem ser indicadas pelo seu médico, pois dependem do tipo de câncer a tratar e da resposta individual de cada paciente ao tratamento.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Alguns dos efeitos colaterais de Ibrutinib podem incluir febre, arrepios, dores no corpo, cansaço, sintomas de gripe, falta de ar, infeções, infecções no nariz, seios nasais ou garganta, infecções dos pulmões, manchas roxas na pele ou pequenas manchas vermelhas ou roxas causadas por sangramento por baixo da pele.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Ibrutinib está contraindicado para crianças e adolescentes, pacientes com alergia a algum dos componentes da fórmula e para pacientes em tratamento com medicamentos derivados de plantas para o tratamento da depressão contendo Erva de S. João.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

Ibrutinib é um composto capaz de bloquear uma proteína do corpo, a proteína tirosina cinase de Bruton, uma proteína responsável por ajudar as células do cancro a viver e a crescer. Ao bloquear esta proteína, Ibrutinib ajuda a matar e a reduzir o número de células cancerígenas, o que atrasa o agravamento do câncer.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Antes de usar Ibrutinib, deverá falar com o seu médico se estiver grávida ou amamentando, tiver com frequências manchas roxas na pele ou sangramentos, tiver historial de batimentos cardíacos irregulares, insuficiência cardíaca grave, doenças ou problemas no fígado ou rins, foi recentemente submetido a cirurgia ou se estiver a planear ser submetido ou se estiver a tomar outros medicamentos, incluindo medicamentos sem receita médica.

Durante o tratamento com Ibrutinib deve evitar a ingestão de toranjas ou laranjas de Sevilha, devendo evitar a ingestão do fruto, do sumo ou de suplementos que possam conter estes frutos. Além disso, durante o tratamento com Ibrutinib, mulheres em idade fértil devem utilizar um método contraceptivo altamente eficaz, sendo recomendada não só a utilização de um contraceptivo hormonal, como também a utilização de um método contraceptivo barreira como o preservativo.

Durante o tratamento com Ibrutinib deve evitar dirigir veículos ou maquinas pois este medicamento pode causar cansado ou com tonturas.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

A bula do medicamento não refere efeitos de superdosagem, porém, em caso de toma excessiva de Ibrutinib fale com o seu médico logo que possível.

Composição

Ibrutinib por cada cápsula contém:

Ibrutinib ____________________________________ 140 mg
Excipientes ________________________________ 1 cápsula

(Excipientes: conteúdo da cápsula: croscarmelose sódica, estearato de magnésio, celulose microcristalina, laurilsulfato de sódio; invólucro da cápsula: gelatina e dióxido de titânio (E171); tinta de impressão: goma-laca, óxido de ferro preto (E172) e propilenoglicol).

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar este medicamento?

Caso ocorra o esquecimento da administração de uma dose de Ibrutinib deverá tomar a dose esquecida logo que se lembre, desde que ainda nesse mesmo dia. As doses de Ibrutinib nunca devem ser administradas a dobrar ou em horários muito próximos.

Interações Medicamentosas

Ibrutinib não deve ser administrado em conjunto com alguns medicamentos ou substâncias sem orientação médica, como medicamentos que aumentem o risco de sangramento, como ácido acetilsalicílico, anti-inflamatórios não esteroides, anticoagulantes, como varfarina ou heparina, digoxina, suplementos que podem aumentar o risco de sangramento como óleo de peixe, vitamina E ou semente de linho, antibióticos como claritromicina, telitromicina, ciprofloxacina, eritromicina ou rifampicina, medicamentos para infecções por fungos como cetoconazol, itraconazol, fluconazol ou voriconazol, medicamentos para o HIV como ritonavir, cobicistate, indinavir, nelfinavir, saquinavir, amprenavir, atazanavir, darunavir ou fosamprenavir, medicamentos para prevenir as náuseas e vômitos associados à quimioterapia como aprepitant, medicamentos para a depressão como nefazodona, medicamentos inibidores da cinase como crizotinib ou imatinib, medicamentos bloqueadores dos canais de cálcio, medicamentos para o coração como amiodarona ou dronedarona ou juntamente com medicamentos para prevenir convulsões, tratar epilepsia ou medicamentos para tratar uma condição dolorosa da face chamada nevralgia do trigémio, como carbamazepina ou fenitoína.

Laboratório

Janssen-Cilag Farmacêutica Ltda.

- Telf.: 00351 21 43 68 835 (Portugal) 

Ibrutinib também pode ser conhecido comercialmente por Imbruvica.

*Não use medicamentos sem o conhecimento do seu médico, pode ser perigoso para a sua saúde.
*As informações aqui divulgadas não deverão ser utilizadas como substituto de prescrição médica para o tratamento de qualquer doença.