Phytovein Icone para ediçãoIcone de Enomear Icone de Excluir

Para que serve

Phytovein é indicado para o tratamento de sintomas da insuficiência venosa, como sensação de dor e peso nas pernas, inchaço, caimbras e prurido e na fragilidade capilar.

Como o Phytovein funciona?


Phytovein atua aliviando os sintomas característicos da insuficiência venosa, como a sensação de dor e peso nas pernas, inchaço, caimbras e prurido. Proporciona aumento da resistência vascular periférica e melhora do retorno do fluxo venoso.

Pacientes com histórico de hipersensibilidade e alergia a qualquer um dos componentes da fórmula não devem fazer uso do produto.

Este medicamento é contraindicado para pessoas com hipersensibilidade a escina ou a extratos de A. hippocastanum e pacientes com insuficiência do fígado ou dos rins.

Este medicamento é contraindicado para uso por crianças.

Uso oral. Uso interno.

Ingerir 1 a 2 cápsulas, 3 vezes ao dia, antes das refeições.

A dose máxima deste medicamento deverá ser 6 cápsulas ao dia, dividida em 3 doses.

Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento, procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação de seu médico ou cirurgião-dentista.

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar o Phytovein?


Caso haja esquecimento da ingestão de uma dose deste medicamento, retomar a posologia sem a necessidade de suplementação.

Em caso deúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

Toxicidade relacionada aos rins e ao fígado foi relatada com o uso de preparados a base de A. hippocastanum em pacientes propensos a este tipo de desordens.

Este medicamento não deve ser administrado a crianças. Há indícios de que a absorção de escina seja maior em crianças, predispondo-as a uma maior toxicidade.

Este medicamento não deve ser administrado juntamente com anticoagulantes orais, pois pode potencializar seu efeito anticoagulante.

Este medicamento pode interferir com a distribuição de outras drogas.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Após a ingestão do medicamento pode ocorrer, em casos isolados, pruridos, náuseas e desconforto gástrico. Raramente pode ocorrer irritação gástrica e refluxo.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC).

Gravidez

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Idosos

Embora não existam restrições, pacientes idosos só devem utilizar o medicamento após orientação médica. 

Apresentações

Cápsula dura. Cartucho com 3 blisters x 15 cápsulas.

Via oral.

Uso adulto.

Contém 45 cápsulas.

Composição

Cada cápsula contém 300mg de extrato seco padronizado das sementes de Aesculus hippocastanum L., equivalente à 6,5% ou 19,5mg de escina [marcador].

Excipientes: dióxido de silício e talco.

Se ingeridoemaltas doses este medicamento pode causar vômitos, diarréia, fraqueza, contrações musculares, dilatação da pupila, falta de coordenação, desordem da visão e da consciência.

Em caso de superdosagem, suspender a medicação imediatamente. Recomenda-se tratamento de suporte sintomático pelas medidas habituais de apoio e controle das funções vitais.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

Baseado em estudos animais, pode haver um efeito aditivo com medicamentos hipoglicemiantes.

Teoricamente, a escina pode interferir com drogas que se ligam a proteínas como fenitoína, warfarina e amiodarona, embora não existam casos reportados.

Características Químicas e Farmacológicas


O Aesculus Hippocastanum L. (substância ativa) através de seus constituintes, possui ação antiexsudativa demonstrada clinica e farmacologicamente em casos de insuficiência venosa crônica.

Promove a tonificação das veias, diminuição da fragilidade capilar e aumento do volume de irrigação capilar.

Phytovein deve ser guardado em sua embalagem original, evitando-se o calor excessivo [manter entre 15 e 30 ºC].

O produto Phytovein apresenta validade de 24 meses.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Após a abertura da embalagem, o produto deve ser guardado adequadamente para se manter próprio ao consumo dentro do prazo de validade.

Características físicas

Phytovein apresenta-se em cápsulas gelatinosas duras, de coloração vinho, contendo um pó fino, homogêneo e solto, de cor castanho claro e com odor característico.

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso ele esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

M.S. 1.0066.3383.002-4

Farm. Resp.:
Carlos E. de Carvalho
CRF SC Nº 4366

Laboratório Catarinense Ltda.
Rua Dr. João Colin, 1053
89204-001 - Joinville -SC
CNPJ 84.684.620/0001-87
Indústria Brasileira

*Não use medicamentos sem o conhecimento do seu médico, pode ser perigoso para a sua saúde.
*As informações aqui divulgadas não deverão ser utilizadas como substituto de prescrição médica para o tratamento de qualquer doença.