AGUA PARA INJETAVEIS Icone para ediçãoIcone de Enomear Icone de Excluir

Indicação

Para que serve?

Agrylin é indicado para o tratamento da trombocitemia, na prevenção de problemas relacionados com a circulação sanguínea, em adultos e crianças com mais de 7 anos de idade.

Posologia

Como usar?

A dose recomendada de Agrylin deve ser indicada pelo seu médico, pois vai depender da gravidade do problema a tratar e da responta individual de cada paciente ao tratamento.

As cápsulas de Agrylin devem ser engolidas inteiras, com um copo de água, sem partir, abrir ou mastigar.

Efeitos Colaterais

Quais os males que pode me causar?

Alguns dos efeitos colaterais de Agrylin podem incluir dor de cabeça, tontura, enxaqueca, inchaço e retenção de líquidos, batimentos cardíacos fortes ou irregulares, falta de ar, diarreia, náusea, dor de estômago, flatulência, fraqueza ou dor, inchaço das mãos, tornozelos ou pés, formigamento nas mãos ou pés, aumento dos batimentos cardíacos, dor de garganta, tosse, vômito, perda de apetite, má digestão, urticária e coceira na pele, dor nas costas, febre, dor no peito, mal-estar geral, cansaço excessivo ou anemia.

Contraindicações

Quando não devo usar?

Agrylin está contraindicado para crianças com menos de 7 anos de idade, pacientes com problemas ou doença no fígado ou rins e para pacientes com alergia ao cloridrato de anagrelida ou a algum dos componentes da fórmula.

Mecanismo de Ação

Como funciona?

Agrylin é um medicamento que atua na medula óssea, reduzindo o excesso de plaquetas produzidas em pacientes portadores de trombocitemia. Assim, Agrylin previne o aparecimento de possíveis problemas de circulação sanguínea.

Advertências e Precauções

O que devo saber antes de usar?

Antes de usar Agrylin​, deverá falar com o seu médico se estiver grávida ou amamentando, tiver doenças ou problemas no coração, níveis baixos de eletrólitos, problemas nos rins ou fígado, doenças nos pulmões, tiver risco aumentado de sangramento, estiver a tomar medicamentos que aumentem o risco de hemorragias, tiver intolerância a alguns açúcares ou diabetes ou se estiver a tomar outros medicamentos, incluindo medicamentos sem receita médica.

Além disso, durante o tratamento com Agrylin deve usar uma forma confiável de contraceptivo, de modo a evitar a gravidez durante o tratamento.

Durante o tratamento com Agrylin, deve tomar especial cuidado ao dirigir veículos ou maquinas, pois este medicamento pode causar tonturas.

O tratamento com Agrylin nunca deve ser interrompido sem conhecimento do seu médico e os horários, as doses e duração do tratamento devem ser respeitados.

Superdosagem

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada?

Em caso de toma excessiva de Agrylin​, deve dirigir-se ao hospital mais próximo, levando a embalagem ou bula do medicamento.

Composição

Agrylin por cada cápsula contém:
Cloridrato de Anagrelida _________________________ 0,61 mg
- Equivalente a 0,5 mg de Anagrelida
Excipientes __________________________________ 1 cápsula

(Excipientes: povidona, lactose, lactose mono-hidratada, celulose microcristalina, crospovidona e estearato de magnésio).

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar este medicamento?

Caso ocorra o esquecimento da administração de uma dose de Agrylin deverá tomar a dose esquecida logo que se lembre.

Interações Medicamentosas

Agrylin não deve ser administrado em conjunto com alguns medicamentos ou substâncias sem orientação médica, como medicamentos que alterem o ritmo cardíaco, Fluvoxamina, Omeprazol, Teofilina, medicamentos usados nos problemas cardíacos como milrinona, enoximona, amrinona, olprinona ou cilostazol, Ácido acetilsalicílico, contraceptivos hormonais orais, outros medicamentos usados para tratar doenças que afetam as plaquetas do seu sangue ou juntamente com Sucralfatos.

Laboratório

EMS

SAC: 0800 191914.

Dizeres Legais:

Registro MS: 1.3569.0030
Farm. Resp.: Adriano Pinheiro Coelho

*Não use medicamentos sem o conhecimento do seu médico, pode ser perigoso para a sua saúde.
*As informações aqui divulgadas não deverão ser utilizadas como substituto de prescrição médica para o tratamento de qualquer doença.