Nódulo na tireoide Icone para edição

Um nódulo na tireoide é um aglomerado de células que se desenvolveu e cresceu na glândula tireoide. A Tireóide é uma glândula que está localizada na região anterior do pescoço, ao redor da traqueia. Apesar de seu tamanho médio ser de 15 ml (o que dá menos da metade de um copinho de café descartável) ela é responsável pela produção de 2 hormônios: a triiodotironina (T3) e a tetraiodotironina (T4)

Sintomas:

A maioria dos nódulos na tireoide não provocam sintomas.

Nódulos grandes podem ser pressionados contra outras estruturas no pescoço, ocasionando sintomas como:

  • Bócio ou glândula tireoide aumentada ou sensação de caroços no pescoço
  • Rouquidão ou mudança de voz
  • Dor no pescoço
  • Problemas para respirar
  • Problemas para engolir

Nódulos que produzem hormônios da tireoide provavelmente ocasionarão sintomas de hipertireoidismo, incluindo:

  • Pele úmida
  • Pulso rápido
  • Apetite aumentado
  • Nervosismo
  • Agitação
  • Vermelhidão ou rubor da pele
  • Perda de peso
  • Pele ressecada
  • Inchaço facial
  • Fadiga
  • Perda de cabelo
  • Intolerância ao frio
  • Ganho de peso sem motivo

Diagnóstico:

A maioria dos nódulos da tireoide são encontrados durante um exame físico de rotina. Depois de um nódulo ser encontrado, o médico costuma realizar testes de laboratório para saber se o nódulo produz hormônio tireoidiano em excesso ("nódulo quente") ou se acontece o oposto ("nódulo frio"), ou seja, se o nódulo não produzir hormônios.

Se o médico detectar um nódulo ou se você tiver sintomas de um nódulo, os seguintes exames podem ser feitos:

  • Nível de TSH e outros exames de sangue associados à tireoide
  • Ultrassonografia da tireoide
  • Exame da tireoide
  • Biópsia por aspiração com agulha fina

Tratamento:

O especialista poderá recomendar cirurgia para remoção de toda ou parte da glândula tireoide se o nódulo for:

  • Suspeito de estar produzindo muito hormônio da tireoide
  • Causador de sintomas, como problemas para engolir ou respirar
  • Devido a um câncer da tireoide
  • Não puder ser diagnosticado como câncer ou não.

Para nódulos não cancerígenos que não causam sintomas e não estão crescendo, o melhor tratamento pode ser:

  • Acompanhamento cuidadoso com exame físico e ultrassom
  • Uma biópsia da tireoide repetida a cada seis a 12 meses após o diagnóstico, especialmente se o nódulo tiver crescido
  • Outro tratamento possível é a injeção de etanol (álcool) no nódulo para encolhê-lo.

Nódulo na tireoide tem cura?

Nódulos não cancerígenos não são potencialmente fatais e muitos não exigem tratamento. Exames de acompanhamento são suficientes para esse tipo de nódulo na tireoide.

A perspectiva do resultado para tratamento de câncer da tireoide depende única e exclusivamente do tipo de câncer.

Prevenção:

Não há formas comprovadamente capazes de prevenir o surgimento de um nódulo na tireoide.

Ministério da Saúde

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia

*As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo.
*Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos do profissional da saúde.