Gastrite por Helicobacter pylori Icone para edição

Gastrite por Helicobacter pylori é um tipo de gastrite causada pela bactéria Helicobacter pylori, responsável pela ocorrência da maioria das úlceras e da gastrite crônica – quando ocorre a inflamação do estômago.

A infecção pela bactéria Helicobacter pylori é muito comum durante a infância, e a maioria das pessoas estão infectadas nem desconfiam, pois geralmente são assintomáticas.

Sintomas:

A maioria das pessoas infectadas por Helicobacter pylori nunca manifestará quaisquer sinais ou sintomas de gastrite, enquanto que outras pessoas terão complicações graves. Essa diferença na expressão da doença envolve o tipo de cepa de H. pylori e fatores relacionados ao paciente, como variações genéticas, hábitos alimentares, estresse emocional e uso de medicamentos.

Os sinais e sintomas da infecção por H. pylori podem incluir:

Diagnóstico:

Exames simples de sangue, de respiração e de fezes podem determinar se alguém foi infectado com Helicobacter pylori.

A maneira mais precisa de diagnosticar esse tipo de gastrite é por meio da endoscopia digestiva alta do esôfago, estômago e duodeno. Por ser muito invasivo, este procedimento é geralmente recomendado somente para pessoas com maior possibilidade de ter úlcera e outras complicações causadas pela bactéria, como câncer de estômago.

Tratamento:

O tratamento de gastrite por Helicobacter pylori é feito, geralmente, com dois antibióticos usados em conjunto.

O tratamento dura, em média, de sete a 14 dias, e o médico ainda deverá receitar outros medicamentos para suprimir a produção de ácido pelo estômago e, assim, promover a cura das feridas causadas pela bactéria.

Complicações:

Complicações associadas com a infecção por H. pylori incluem:

Gastrite por Helicobacter pylori tem cura?

O tratamento dura de semanas a meses e costuma ser bastante eficaz. Uma vez que a bactéria Helicobacter pylori é eliminada de seu corpo, devem ser mantidas precauções para evitar a reinfecção.

Prevenção:

Um ambiente limpo pode ajudar a diminuir o risco de infecção pela bactéria. Manter a boa higiene das mãos e dos alimentos, bem como utensílios doméstico, também ajuda a evitar uma infecção.

Federação Brasileira de Gastroenterologia

*As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo.
*Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos do profissional da saúde.