Contração muscular espasmódica Icone para edição

Contração muscular espasmódica é definida como uma pequena contração em algum músculo do corpo. Os músculos são compostos de fibras, tecidos e nervos. Quando um nervo é estimulado ou danificado, pode fazer com que as fibras musculares sofram uma contração.

Muitas vezes o sintoma pode passar despercebido e não indicar nada grave. No entanto, outros tipos de espasmos podem ser sinal de uma doença do sistema nervoso, pedindo acompanhamento médico.

Sinônimos

Fasciculação muscular; Fasciculação do músculo

Cuidados

Normalmente, medicamentos não são necessários para contração muscular espasmódica, uma vez que a condição desaparece em algumas horas ou dias. Entretanto, é possível prevenir o problema comendo uma dieta balanceada, dormindo adequadamente, manejando o estresse e limitando o consumo de cafeína.

Se você tem contração muscular espasmódica constante nos olhos, tente usar lubrificantes. Se os espasmos duram mais de uma semana, consulte um médico.

Remédios:

Uma contração muscular espasmódica pode ter diversas causas, de modo que o tratamento varia de acordo com o diagnóstico estabelecido pelo médico. Por isso, somente um especialista capacitado pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Os medicamentos mais comuns no tratamento de contrações musculares espasmódicas são:

  • Atroveran Composto
  • Coltrax
  • Dolamin Flex
  • Dolantina
  • Mionevrix
  • Miosan
  • Mirtax
  • Musculare

Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

  • Ministério da Saúde
  • Mayo Clinic

*As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo.
*Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos do profissional da saúde.