Astigmatismo Icone para edição

Astigmatismo é uma imperfeição comum, leve e facilmente tratável na curvatura do olho. A maior parte do poder de foco no olho ocorre ao longo da superfície frontal, chamada córnea. A próxima estrutura envolvida na focagem é o cristalino, lente que fica atrás da iris no interior do olho.

A córnea ideal tem uma superfície simetricamente curva, como uma bola de basquete. O astigmatismo é causado por uma córnea ou uma lente que não é simétrica. Como resultado, as pessoas com astigmatismo podem ter visão distorcida ou borrada.

O astigmatismo pode ocorrer em famílias e na maioria dos casos está associado com outros problemas de refração, como miopia ou hipermetropia. Ele também pode aumentar ao longo do tempo devido à idade.

Sintomas:

O sintoma mais comum do astigmatismo é a visão borrada ou dupla. Se a visão está apenas um pouco afetada, é possível que não tenha nada de errado. Astigmatismo mais significativo pode causar distorções visíveis.

É particularmente importante lembrar que bebês e crianças com problemas de visão podem não perceber o problema. Afinal, elas podem nunca ter visto o mundo em foco. É por isso que é uma boa ideia ter um controle regular da visão das crianças, principalmente se há casos de problemas refrativos na família. É de suma importância fazer o teste do olhinho logo no nascimento do bebê e levar a criança ao oftalomologista no primeiro ano de vida. Neste período, muitas doenças podem ser diagnosticadas e tratadas, sendo algumas com medidas simples como uso de tampão, evitando assim a cegueira.

Aqui estão alguns sintomas de astigmatismo:

Crianças com astigmatismo podem experimentar:

Diagnóstico:

O médico pode usar um ou mais desses quatro exames para diagnosticar o astigmatismo e medir sua gravidade:

Usando um gráfico padronizado, o paciente deve ler quadros de letras, conhecidos como tabela de snellen, que se encontram a partir de 6 metros. Atualmente, os projetores permitem simular esta distância com espaço menores. Se sua visão é 20/20, você pode ver a 20 pés o que um olho normal pode ver a partir de 20 pés. Se sua visão é 20/80, você só pode ver a 20 pés o que um olho normal deve ser capaz de ver a partir de 80 pés de distância.

Uma máquina chamada foróptero, que contém lentes corretivas, é posicionado na afrente do olho e usado para medir a receita. Às vezes, o médico olha para o reflexo da luz do seu olho através de um dispositivo portátil chamado de retinoscópio e usa lentes de mão para determinar se algum erro de refração está presente. Em seguida, o oftalmologista irá oferecer-lhe diferentes opções de lentes através do foróptero para refinar a correção até que você possa ler o texto claramente. Depois que ambos os olhos são medidos, o médico irá escrever uma receita para óculos ou lentes de contato com base nas lentes corretivas que funcionaram para você.

Este aparelho mede a curvatura da córnea central. As córneas que não têm astigmatismo apresentam uma curvatura simétrica, enquanto córneas com astigmatismo não tem curvatura uniforme. O ceratômetro determina as curvas mais íngremes e mais planas da córnea, permitindo o diagnóstico. Esse aparelho também é usado para ajustar as lentes de contato e para acompanhar a curvatura da córnea após uma cirurgia ocular.

Esta tecnologia avançada fornece as informações mais detalhadas sobre a forma da córnea. O paciente olha para um alvo visual enquanto o dispositivo recolhe milhares de medições minúsculas. Um computador então constrói um mapa de cores no computador a partir dos dados. Este mapa permite ao médico ver uma imagem abrangente de sua córnea. Tais medições sofisticadas são importantes para o planejamento de cirurgia refrativa, cirurgia de catarata, e, ocasionalmente, para ajustar lentes de contato. A topografia da córnea é importante no diagnóstico de ceratocone, uma das causa de astigmatismo.

Tratamento:

O objetivo do tratamento de astigmatismo é melhorar a visão do paciente ou operar a córnea desigual. Os tratamentos incluem óculos, lentes de contato gelatinosa tórica e lente rígida, anel intra estromal (anel de ferrara para casos de ceratocone), cirurgia refrativa, e cirurgia de catarata com implante de lente intra-ocular tórica.

Lentes corretivas tratam astigmatismo por contrariar a curvatura desigual da sua córnea. Tipos de lentes corretivas incluem:

Este método de tratamento para astigmatismo corrige o problema, reformulando a superfície do olho. Antes da cirurgia, os médicos vão avaliá-lo e determinar se você é um candidato para a cirurgia refrativa. Métodos incluem:

Complicações:

O astigmatismo não corrigido em somente um olho pode causar ambliopia (popularmente conhecido como olho preguiçoso). Coçar o olho constantemente e bruscamente pode favorecer o apareciemto ou a evolução do astigmatismo para ceratocone.

Prevenção:

Não tem como prevenir o astigmatismo. O ideal é ficar atento aos sintomas e fazer o diagnóstico precocemente, para tratar o problema antes de qualquer complicação. Além disso, evitar coçar o olho pode ajudar a prevenir complicações.

Revisado por Dr. André Gustavo Seabra Guimarães, Visão Institutos Oftalmológicos

Ministério da Saúde

Sociedade Brasileira de Oftalmologia

*As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo.
*Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos do profissional da saúde.